Combodart

 

O que é e como se utiliza?

Combodart é utilizado no tratamento de homens com um aumento do volume da próstata (hiperplasia benigna da próstata) - crescimento, não canceroso, da próstata, causado por excessiva produção de uma hormona denominada dihidrotestosterona.

Combodart é uma associação de dois medicamentos diferentes denominados dutasterida e tansulosina. A dutasterida pertence ao grupo de medicamentos denominados inibidores da 5-alfa redutase e a tansulosina pertence ao grupo de medicamentos denominados bloqueadores alfa.

O crescimento da próstata pode levar a distúrbios urinários, tais como dificuldade na passagem da urina e necessidade mais frequente de ir à casa-de-banho. Pode também causar o fluxo urinário mais lento e menos forte. Sem tratamento, existe o risco de bloqueio completo do fluxo da urina (retenção urinária aguda). Esta situação requer tratamento médico imediato. Nalgumas situações é necessária cirurgia para remover ou reduzir o volume da próstata.

A dutasterida reduz a produção de uma hormona denominada dihidrotestosterona, que ajuda a reduzir a próstata e alivia os sintomas. Isto irá reduzir o risco de retenção urinária aguda e a necessidade de cirurgia. A tansulosina actua através do relaxamento dos músculos da próstata, facilitando a passagem de urina e melhorando rapidamente os seus sintomas.

O que se deve tomar em consideração antes de utilizá-lo?

Não tome Combodart

  • se tem alergia (hipersensibilidade) à dutasterida, outros inibidores da 5-alfa redutase, tansulosina ou a qualquer outro componente de Combodart.
  • se tiver pressão arterial baixa que o faz ficar tonto, com cabeça leve ou provocar desmaios (hipotensão ortostática).
  • se tiver uma doença grave no fígado.

Informe o seu médico se pensa que alguma destas situações se aplica a si.

Este medicamento destina-se apenas a homens. Não pode ser tomado por mulheres, crianças ou adolescentes.

Tome especial cuidado com Combodart

  • Certifique-se que o seu médico tem conhecimento de qualquer doença do fígado. Se teve qualquer doença que tenha afectado o seu fígado, poderá necessitar de exames adicionais enquanto toma Combodart.
  • Cirurgia das cataratas (lentes enevoadas). Se tiver uma cirurgia planeada para remover acatarata, o seu médico poderá pedir-lhe que pare de tomar Combodart durante uns tempos antes da operação. Informe o seu oftalmologista, antes da operação, que está a tomar Combodart ou tansulosina (ou tomou anteriormente). O seu especialista necessitará de tomar as precauções apropriadas para ajudar a prevenir complicações durante a operação.
  • Mulheres, crianças e adolescentes não devem manusear cápsulas danificadas de Combodart que libertem o seu conteúdo uma vez que a substância activa pode ser absorvida pela pele. Em caso de qualquer contacto com a pele, a área afectada deverá ser imediatamente lavada com água e sabão.
  • Utilize o preservativo durante a relação sexual. A dutasterida foi detectada no sémen dehomens a tomar Combodart. Se a sua parceira estiver ou possa vir a estar grávida, deve evitar a sua exposição ao seu sémen, uma vez que a dutasterida pode afectar o desenvolvimento normal de um bebé masculino. A dutasterida demonstrou reduzir a contagem total de esperma, o volume do ejaculado e a mobilidade do esperma, o que pode reduzir a sua fertilidade.
  • Combodart pode afectar o teste sanguíneo do PSA (antigénio específico da próstata) queé utilizado por vezes para detectar o cancro da próstata. O seu médico deverá conhecer este efeito e poderá continuar a utilizar o teste para detectar o cancro da próstata. Se fizer
  • teste sanguíneo para o PSA, informe o seu médico que está a tomar Combodart.

Contacte o seu médico ou farmacêutico se tiver alguma questão sobre a utilização de Combodart.
Ao tomar Combodart com outros medicamentos
Informe o seu médico se estiver a tomar, ou tiver tomado recentemente, outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Alguns medicamentos podem reagir com Combodart e tornar mais provável a ocorrência de efeitos secundários. Estes medicamentos incluem:
verapamil ou diltiazem (para o tratamento da pressão arterial elevada)
ritonavir ou indinavir (para o VIH)
itraconazol ou cetoconazol (para infecções fúngicas)
nefazodona (um antidepressivo).
cimetidina (para úlceras do estômago)
varfarina (para a coagulação sanguínea)
outros bloqueadores-alfa (para a próstata aumentada ou pressão arterial elevada)

Informe o seu médico se estiver a tomar algum destes medicamentos

Ao tomar Combodart com alimentos e bebidas
Combodart deverá ser tomado 30 minutos após a mesma refeição em cada dia.

Gravidez e aleitamento
Mulheres grávidas (ou que possam vir a engravidar) não podem manusear cápsulas danificadas. A dutasterida é absorvida pela pele e poderá afectar o desenvolvimento normal de um bebé masculino, particularmente durante as primeiras 16 semanas de gravidez.

Utilize o preservativo durante a relação sexual. A dutasterida foi detectada no sémen de homens a tomar Combodart. Se a sua parceira estiver ou possa estar grávida, deve evitar a sua exposição ao seu sémen.

Combodart demonstrou reduzir a contagem total de esperma, o volume do ejaculado e a mobilidade do esperma, o que pode reduzir a fertilidade masculina.

Contacte o seu médico para aconselhamento, caso uma mulher grávida tenha contactado com Combodart.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Combodart faz algumas pessoas sentirem-se tontas, pelo que pode afectar a sua capacidade de conduzir ou utilizar máquinas de forma segura.

Não conduza ou utilize máquinas se for afectado desta forma.

Informações importantes sobre alguns componentes de Combodart

Este medicamentos contém o agente corante Amarelo Sunset (E110) que pode causar reacções alérgicas.

Como é utilizado?

Tome Combodart sempre de acordo com as instruções do seu médico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

Dose que deve tomar
A dose habitual é uma cápsula uma vez por dia, 30 minutos após a mesma refeição em cada dia.

Como tomar
Engula as cápsulas inteiras com água. Não mastigue ou abra a cápsula. O contacto com o conteúdo das cápsulas poderá provocar irritação na boca ou garganta.

Se tomar mais Combodart do que deveria
Contacte o seu médico ou farmacêutico para aconselhamento se tomar demasiadas cápsulas de Combodart.

Caso se tenha esquecido de tomar Combodart
Não tome cápsulas extra para compensar a dose em falta. Apenas tome a próxima dose à hora habitual.

Se parar de tomar Combodart
Não pare de tomar Combodart sem falar primeiro com o seu médico.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

Quais são os possíveis efeitos secundários?

Como todos os medicamentos, Combodart pode causar efeitos secundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas.

Reacção alérgica
Os sinais de reacções alérgicas podem incluir:

  • erupção cutânea (com possível comichão)
  • urticária (como uma erupção cutânea irritante)
  • inchaço das pálpebras, face, lábios, braços ou pernas.

Contacte imediatamente o seu médico se tiver algum destes sintomas, e pare de tomar Combodart.

Tonturas e sensação de cabeça leve
Combodart pode causar tonturas, sensação de cabeça leve e em raras ocasiões desmaios. Deve tomar precaução quando passar da posição deitado para sentado ou em pé, particularmente se acordar durante a noite, até que saiba como este medicamento o afecta. Se se sentir tonto ou com cabeça leve em qualquer momento durante o tratamento, sente-se ou deite-se até que os sintomas desapareçam.

Efeitos secundários frequentes
Estes podem afectar até 1 em 10 homens a tomar Combodart:
impotência (incapacidade de obter ou manter uma erecção)
desejo sexual (libido) diminuído
dificuldade na ejaculação
aumento do volume mamário ou dor (ginecomastia)
tonturas.

Efeitos secundários pouco frequentes
Estes podem afectar até 1 em 100 homens
batimento cardíaco rápido (palpitações)
prisão de ventre, diarreia, vómitos, indisposição (náuseas)
fraqueza ou perda de força
baixa pressão arterial quando se levanta
dor de cabeça
nariz com corrimento, congestionado ou com comichão (rinite)
erupção cutânea, urticária, comichão.

Efeitos secundários raros
Estes podem afectar até 1 em 1000 homens
inchaço das pálpebras, face, lábios, braços ou pernas (angioedema)
desmaio.

Efeitos secundários muito raros
Estes podem afectar até 1 em 10000 homens
erecção persistente e dolorosa do pénis (priapismo).

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Como deve ser guardado?

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Não utilize Combodart após o prazo de validade impresso na embalagem exterior e no frasco. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Não conservar Combodart acima de 30ºC.

Se tiver alguma cápsula de Combodart que já não irá utilizar, não as deite na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.