Crestor 5 mg

 

O que é e como se utiliza?

CRESTOR pertence a um grupo de medicamentos denominados estatinas.

O seu médico receitou-lhe CRESTOR porque:
Tem valores de colesterol elevados. Isto significa, que está em risco de ter um ataque cardíaco ou um acidente vascular cerebral.

Foi aconselhado a tomar uma estatina, porque a alteração na sua dieta e fazer mais exercício físico não foram suficientes para corrigir os seus valores de colesterol. Enquanto estiver a tomar CRESTOR, deve continuar com a sua dieta para baixar o colesterol e a prática de exercício físico.

Ou

Tem outros factores que aumentam o seu risco de sofrer um ataque cardíaco, um acidente vascular cerebral ou outros problemas de saúde.

O ataque cardíaco, o acidente vascular cerebral ou outros problemas de saúde podem ser causados pela aterosclerose. A aterosclerose é provocada pela acumulação de depósitos de gordura nas suas artérias.

Porque é que é importante continuar a tomar CRESTOR

CRESTOR é utilizado para corrigir os níveis de substâncias gordas no sangue chamadas lípidos, sendo o colesterol o mais comum.

Há diferentes tipos de colesterol no sangue ? o colesterol ?mau? (C-LDL) e o colesterol ?bom? (C-HDL).
CRESTOR pode reduzir o colesterol ?mau? e aumentar o colesterol ?bom?. Actua bloqueando a produção de colesterol ?mau? no seu corpo. Também melhora a capacidade que o seu corpo tem de o retirar do seu sangue.

Na maioria das pessoas, o colesterol elevado não afecta o estado geral porque não produz quaisquer sintomas. No entanto, se não se fizer tratamento, podem ocorrer depósitos de gordura nas paredes dos seus vasos sanguíneos provocando o seu estreitamento.

Por vezes, estes vasos sanguíneos estreitos podem ficar bloqueados, o que pode impedir

  • fornecimento de sangue ao coração ou ao cérebro, conduzindo a um ataque cardíaco ou a um acidente vascular cerebral. Ao diminuir os seus valores de colesterol, pode reduzir o seu risco de ter um ataque cardíaco, um acidente vascular cerebral ou problemas de saúde associados.

É necessário que continue a tomar CRESTOR, mesmo que tenha atingido os valores recomendados de colesterol, porque previne um novo aumento dos seus valores de colesterol e, consequentemente, a acumulação de depósitos de gordura. No entanto, deverá parar se o seu médico assim o indicar ou se engravidar.

O que se deve tomar em consideração antes de utilizá-lo?

Não tome CRESTOR:
Se alguma vez teve uma reacção alérgica a CRESTOR ou a qualquer outro componente do comprimido.
Se estiver grávida ou a amamentar. Se engravidar enquanto está a tomar CRESTOR pare imediatamente de o tomar e fale com o seu médico. As mulheres devem evitar engravidar enquanto tomam CRESTOR utilizando um método contraceptivo adequado. Se tiver uma doença do fígado.
Se tiver problemas renais graves.
Se sentir dores musculares invulgares ou frequentes.
Se estiver a tomar um medicamento chamado ciclosporina (usado, por exemplo, após o transplante de órgãos).

Se alguma das situações acima descritas se aplica a si (ou caso tenha dúvidas), fale novamente com o seu médico.

Adicionalmente, não tome CRESTOR 40 mg (a dose mais elevada):
Se tiver problemas renais moderados (caso tenha dúvidas, fale com o médico).

Se a sua glândula tiróide não estiver a funcionar correctamente.
Se já sentiu dores musculares invulgares ou frequentes, se tem história familiar ou pessoal de problemas musculares, ou história anterior de problemas musculares quando tomou outros medicamentos para redução do colesterol.
Se bebe regularmente grandes quantidades de álcool.
Se é de ascendência Asiática (Japonesa, Chinesa, Filipina, Vietnamita, Coreana e Indiana).
Se estiver a tomar outros medicamentos chamados fibratos para baixar o seu colesterol.

Se alguma das situações acima descritas se aplica a si (ou caso tenha dúvidas), fale novamente com o seu médico.

Tome especial cuidado com CRESTOR
Se tiver problemas com os seus rins.
Se tiver problemas com o seu fígado.
Se já sentiu dores musculares invulgares ou frequentes, se tem história familiar ou pessoal de problemas musculares, ou história anterior de problemas musculares quando tomou outros medicamentos para redução do colesterol. Contacte o seu médico imediatamente se sentir dores musculares invulgares ou frequentes, especialmente se não se sentir bem ou se tiver febre.
Se bebe regularmente grandes quantidades de álcool.
Se a sua glândula tiróide não estiver a funcionar correctamente.
Se estiver a tomar outros medicamentos chamados fibratos para baixar o seu colesterol. Leia atentamente este folheto, mesmo que já tenha tomado outros medicamentos para tratar o colesterol elevado.
Se estiver a tomar medicamentos para controlar a infecção pelo VIH, por exemplo, lopinavir/ritonavir, ver secção Ao tomar com outros medicamentos.
Se o doente tiver menos do que 10 anos: CRESTOR não deve ser administrado a crianças com idade inferior a 10 anos.
Se o doente tiver menos do que 18 anos de idade: O comprimido de CRESTOR 40 mg não é adequado para utilização em crianças e adolescentes com idade inferior a 18 anos. Se tem mais de 70 anos de idade (uma vez que é necessário que o seu médico escolha a dose inicial de CRESTOR mais adequada para si).
Se tem insuficiência respiratória grave.
Se é de ascendência Asiática - ou seja, Japonesa, Chinesa, Filipina, Vietnamita, Coreana e Indiana. É necessário que o seu médico escolha a dose inicial de CRESTOR mais adequada para si.

Se alguma das situações acima descritas se aplica a si (ou caso tenha dúvidas): Não tome CRESTOR 40 mg (a dose mais elevada) e confirme com o seu médico ou farmacêutico antes de começar a tomar qualquer dose de CRESTOR.

Num número reduzido de pessoas, as estatinas podem afectar o fígado. Esta situação é identificada através da realização de um teste simples para detectar o aumento dos níveis das enzimas hepáticas no sangue. Por este motivo, o seu médico pedirá esta

análise ao sangue (provas de função hepática) antes e durante o tratamento com CRESTOR.

Ao tomar com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica. Informe o seu médico se estiver a tomar algum dos seguintes medicamentos: ciclosporina (usado, por exemplo, após o transplante de órgãos), varfarina (ou quaisquer outros medicamentos utilizados para diminuir a viscosidade sanguínea), fibratos (tais como gemfibrozil, fenofibrato) ou qualquer outro medicamento usado para baixar o colesterol (tal como ezetimiba), medicamentos usados para tratar problemas digestivos (para neutralizar a acidez no seu estômago), eritromicina (um antibiótico), contraceptivos orais (a pílula), terapêutica de substituição hormonal ou lopinavir/ritonavir (utilizado para controlar a infecção pelo VIH ? ver secção Tome especial cuidado com CRESTOR). Os efeitos destes medicamentos podem ser alterados por CRESTOR ou podem alterar o efeito de CRESTOR.

Ao tomar CRESTOR com alimentos e bebidas
Pode tomar CRESTOR com ou sem alimentos.

Gravidez e aleitamento
Não tome CRESTOR se estiver grávida ou a amamentar. Se engravidar enquanto está a tomar CRESTOR pare imediatamente de o tomar e fale com o seu médico. As mulheres devem evitar engravidar enquanto tomam CRESTOR utilizando um método contraceptivo adequado.

Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Condução de veículos e utilização de máquinas
A maioria das pessoas pode conduzir um carro e utilizar máquinas enquanto toma CRESTOR ? não afectará a sua capacidade.
No entanto, algumas pessoas poderão sentir tonturas durante o tratamento com CRESTOR. Se sentir tonturas, consulte o seu médico antes de tentar conduzir ou utilizar máquinas.

Informações importantes sobre alguns componentes de CRESTOR
Se foi informado pelo seu médico que tem uma intolerância a alguns açúcares (lactose ou açúcar do leite), contacte-o antes de tomar CRESTOR.

Para a lista completa de excipientes, ver abaixo a secção Outras informações.

Como é utilizado?

Tome CRESTOR sempre de acordo com as indicações do seu médico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

Doses habituais em adultos

Se estiver a tomar CRESTOR para o colesterol elevado:

Dose inicial
O seu tratamento com CRESTOR deve ser iniciado com a dose de 5 mg ou a dose de 10 mg, mesmo que anteriormente tenha tomado uma dose mais elevada de uma outra estatina. A escolha da sua dose inicial irá depender:
Dos seus valores de colesterol.
Do seu nível de risco de ter um ataque cardíaco ou um acidente vascular cerebral. Se tem ou não um factor que o torne mais sensível aos efeitos secundários possíveis.

Confirme com o seu médico ou farmacêutico qual a dose inicial de CRESTOR mais adequada para si.

O seu médico poderá decidir que deverá tomar a dose mais baixa (5 mg) se: É de ascendência Asiática (Japonesa, Chinesa, Filipina, Vietnamita, Coreana e Indiana). Tem mais de 70 anos de idade.
Tem problemas renais moderados.
Está em risco de ter dores musculares (miopatia).

Aumento da dose e dose máxima diária
O seu médico poderá decidir aumentar a sua dose para que a quantidade de CRESTOR que toma seja adequada para si. Se iniciou o tratamento com a dose de 5 mg, o seu médico poderá decidir duplicar a dose para 10 mg, posteriormente para 20 mg e em seguida para 40 mg, se necessário. Se iniciou o tratamento com a dose de 10 mg, o seu médico poderá decidir duplicar a dose para 20 mg e posteriormente para 40 mg, se necessário. O ajuste de cada dose será feito em intervalos de 4 semanas.

A dose máxima diária de CRESTOR é de 40 mg. Esta dose destina-se apenas a doentes com valores de colesterol elevados e com risco elevado de ataque cardíaco e acidente vascular cerebral, cujos valores de colesterol não baixaram o suficiente com 20 mg.

Se estiver a tomar CRESTOR para reduzir o risco de ter um ataque cardíaco, acidente vascular cerebral ou problemas de saúde associados:

A dose recomendada é de 20 mg diários. Contudo, o seu médico pode decidir utilizar uma dose mais baixa se tiver algum dos factores acima mencionados.

Doses habituais em crianças com 10 - 17 anos de idade
A dose habitual inicial é de 5 mg. O seu médico poderá aumentar a sua dose para encontrar a quantidade de CRESTOR adequada para si. A dose máxima diária de

CRESTOR é de 20 mg. Tome a sua dose uma vez por dia. O comprimido de CRESTOR 40 mg não deve ser utilizado em crianças.

Tomar os seus comprimidos
Engula o comprimido inteiro com água.

Tome CRESTOR uma vez por dia. Pode tomar o comprimido a qualquer hora do dia.

Tente tomar o comprimido sempre à mesma hora do dia, para que se lembre mais facilmente de o tomar.

Controlo regular do colesterol
É importante consultar novamente o médico para que seja feito um controlo regular do seu colesterol, de forma a assegurar que os valores recomendados de colesterol foram atingidos e se mantêm estáveis.
O seu médico poderá decidir aumentar a sua dose para que a quantidade de CRESTOR que toma seja adequada para si.

Se tomou mais CRESTOR do que devia
Contacte o seu médico ou o hospital mais próximo para aconselhamento. Se necessitar de cuidados hospitalares ou de fazer outros tratamentos, informe a equipa médica sobre o seu tratamento com CRESTOR.

Caso se tenha esquecido de tomar CRESTOR
Não se preocupe, tome a próxima dose prevista de acordo com o seu esquema de tratamento habitual. Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.

Se parar de tomar CRESTOR
Fale com o seu médico se pretende parar de tomar CRESTOR. Os seus valores de colesterol poderão aumentar novamente se parar de tomar CRESTOR.

Quais são os possíveis efeitos secundários?

Como todos os medicamentos, CRESTOR pode causar efeitos secundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas.

É importante que saiba quais são os efeitos secundários. Estes efeitos são geralmente ligeiros e desaparecem após um curto período de tempo.

Pare de tomar CRESTOR e consulte imediatamente um médico se tiver alguma das seguintes reacções alérgicas:
Dificuldade em respirar, com ou sem inchaço da face, lábios, língua e/ou garganta Inchaço da face, lábios, língua e/ou garganta, o que pode causar dificuldade em engolir

Prurido intenso (comichão) na pele (com aumento dos gânglios).

Pare também de tomar CRESTOR e fale imediatamente com o seu médico se sentir dores musculares invulgares que se prolonguem mais do que o esperado. Os sintomas musculares são mais frequentes nas crianças e adolescentes do que nos adultos. Tal como com outras estatinas, um número muito reduzido de pessoas pode sentir efeitos musculares indesejáveis e raramente estes efeitos resultam na destruição muscular potencialmente fatal, conhecida como rabdomiólise.

Efeitos secundários frequentes (podem afectar entre 1 em cada 10 e 1 em cada 100 doentes):
Dor de cabeça
Dor de estômago
Prisão de ventre (obstipação)
Sensação de mal-estar
Dor muscular
Sensação de fraqueza
Tonturas
Aumento da quantidade de proteínas na urina ? que geralmente volta ao normal sem que seja necessário parar o tratamento com CRESTOR (apenas CRESTOR 40 mg). Diabetes em doentes com valores elevados de açúcar no sangue.

Efeitos secundários pouco frequentes (podem afectar entre 1 em cada 100 e 1 em cada 1.000 doentes):
Erupção cutânea, prurido (comichão) e outras reacções cutâneas
Aumento da quantidade de proteínas na urina ? que geralmente volta ao normal sem que seja necessário parar o tratamento com CRESTOR (apenas CRESTOR 5 mg, 10 mg e 20 mg).

Efeitos secundários raros (podem afectar entre 1 em cada 1.000 e 1 em cada 10.000 doentes):
Reacções alérgicas graves ? os sinais incluem inchaço da face, lábios, língua e/ou garganta, dificuldade em engolir e respirar, prurido intenso (comichão) na pele (com aumento dos gânglios). Caso ache que está a ter uma reacção alérgica, pare de tomar CRESTOR e procure ajuda médica de imediato
Lesão muscular em adultos ? como precaução, pare de tomar CRESTOR e fale imediatamente com o seu médico se sentir dores musculares invulgares que se prolonguem mais do que o esperado
Dor de estômago intensa (inflamação do pâncreas)
Aumento das enzimas hepáticas no sangue

Efeitos secundários muito raros (podem afectar menos de 1 em cada 10.000 doentes): Icterícia (coloração amarela dos olhos e da pele)
Hepatite (uma inflamação do fígado)
Vestígios de sangue na sua urina

Lesão dos nervos nos braços e nas pernas (ex. dormência)
Dores nas articulações
Perda de memória

Efeitos secundários de frequência desconhecida podem incluir:
Diarreia (soltura)
Síndrome de Stevens-Johnson (doença grave que causa bolhas na pele, boca, olhos e órgãos genitais)
Tosse
Falta de ar
Edema (inchaço)
Distúrbios do sono, incluindo insónias e pesadelos
Disfunção sexual
Depressão
Problemas respiratórios, incluindo tosse persistente e/ou falta de ar ou febre

Se alguns dos efeitos secundários o incomodar ou se sentir quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Como deve ser guardado?

Manter fora do alcance e da vista das crianças.
Não utilize CRESTOR após o prazo de validade impresso na embalagem exterior/blisters/rótulo após Val. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.
Os comprimidos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Se os comprimidos estiverem fora do prazo de validade ou se já não necessita deles, devolva-os ao seu farmacêutico.
Conserve os seus comprimidos a temperatura inferior a 30°C.
Se os seus comprimidos se encontram dentro de um recipiente de plástico, manter o recipiente bem fechado.
Conserve os seus comprimidos na embalagem de origem.